InEye

InEye

Com milimétrica dimensão e com o aspeto de uma pérola, o InEye, é um dispositivo que promete substituir a aplicação diária de gotas para olhos, por exemplo, em doentes com glaucoma ou em recuperação de cirurgias às cataratas. Trata-se de uma solução que irá facilitar a fácil adesão à terapêutica, uma vez que bastará colocar o pequeno inserto junto ao olho, na pálpebra inferior, para dosear e distribuir o medicamento pelo organismo, por um longo período de tempo.

Segundo Marcos Mariz, um dos responsáveis pelo projeto, as vantagens são inúmeras e não se esgotam na possibilidade substituir a aplicação diária nos olhos. “Podemos imobilizar no InEye até três ou quatro fármacos diferentes em simultâneo. Em situações de pós-operatório, em que é complicado aos doentes seguir a terapêutica de vários medicamentos em simultâneo, ou em casos como os de glaucoma, que afetam pessoas de idade que revelam ter dificuldade em colocar as gotas ou em lembrar-se se já as colocaram. Nestes casos esta é uma solução que garante um tratamento contínuo, uma vez que é suficientemente flexível para ter libertações de fármacos ao longo de sete a 300 dias”.

Os investigadores acreditam ainda que esta solução pode mesmo ser uma mais-valia para a indústria farmacêutica, em países com dificuldades de armazenamento, com acontece em África. “Muitas gotas exigem refrigeração e só têm validade um mês depois de abertas. Com o In Eye, o doente tem garantida a estabilidade do produto, fica servido por um ano e não precisa de frigorífico”, acrescenta.

 

Tipo de projeto: Prova de Conceito

Ano de aprovação: 2018

Promotor principal: Marcos João Mota Leite Machado Mariz

Área(s) de conhecimento: Engenharia Química, Medicina

Share
[share post_type="portfolio"]